Pediatria

Conheça o Dr. Luiz Roberto Botton

 

TRATAMENTOS

 

Clínica geral/Puericultura
A puericultura é a especialidade da Pediatria que se preocupa com o acompanhamento integral do processo de desenvolvimento da criança. É de fundamental importância, uma vez que é por meio dela que o pediatra tem condições de detectar precocemente os mais diferentes distúrbios das áreas do crescimento estatural, da nutrição e do desenvolvimento neuropsicomotor.
Orientações sobre o calendário de vacinação

Após o nascimento, já na própria maternidade ou hospital, seu bebê será imunizado contra uma série de doenças. O calendário oficial de imunizações do Brasil, o PNI (Programa Nacional de Imunização), prevê que todas as crianças sejam vacinadas contra mais de 10 tipos de infecções, incluindo uma série de doses de reforço. Todas essas vacinas podem ser tomadas gratuitamente em postos de saúde ou durante campanhas.

Além delas, muitos pediatras vêm recomendando algumas outras vacinas já disponíveis no mercado. Boa parte delas está sendo aos poucos incorporada ao programa federal, passando a ser gratuitas, o que é ótima notícia.

Febre

Um processo infeccioso é a causa mais comum da febre, quando a temperatura do corpo fica maior do que 37,8ºC. Se houver suspeita de febre, deve-se medir a temperatura da criança e entrar em contato com o pediatra para mais informações, que vão variar de acordo com o grau da febre e com os sintomas associados.

Resfriado e gripes

As infecções mais comuns na infância são as das vias aéreas superiores, principalmente entre crianças que passam o dia na creche. Febre, pouco apetite, coriza, alguma apatia, e, em alguns casos, garganta e ouvidos inflamados são sintomas dos resfriados e gripes, que podem durar até uma semana.

Amigdalite

É a infecção das amígdalas causada por bactérias ou vírus. Formadas por tecido esponjoso, estas estruturas estão localizadas nos dois lados da garganta. Seu papel é produzir anticorpos para impedir que infecções da garganta, boca e seios da face se espalhem para o corpo.
Sintomas: Dor, febre, inchaço ao lado do pescoço e da mandíbula, dificuldade para engolir, calafrios, dor de cabeça e muscular, mau hálito.
Tratamento: Quando causado por bactérias é tratado com antibióticos. Se for causada por vírus, os remédios indicados irão controlar os sintomas.

Otite

Infecção do ouvido provocada por bactérias ou vírus, geralmente precedida pela gripe. É mais comum entre os 6 e 11 meses.
Sintomas
Febre, irritabilidade, choro intenso e contínuo, secreção nasal e falta de apetite. Pode haver diarréia e vômitos.
Tratamento
O médico prescreve analgésicos e antitérmicos. Em alguns casos, antibióticos e até lavagem interna do ouvido também.

Asma
Doença que provoca dificuldades respiratórias. Sua crise é considerada grave e deve ter atendimento emergencial. Os sintomas são: tosse, chiado no peito, dificuldade de respirar, lacrimejamento, dor no peito.
Rotavírus

Quando a criança apresenta febre, vômitos, mal-estar, prostração e diarreia, pode ser que tenha adquirido uma infecção por rotavírus. O processo da doença pode ser leve ou bastante intenso (necessitando de internação para medicar e hidratar) e dura, em média, cinco dias.

Alergias

A alergia é uma reação do organismo após exposição a um fator desencadeante presente no meio ambiente, e também é determinada por fatores genéticos. Sem o acompanhamento e devido controle, a alergia pode provocar infecções frequentes, como otites, sinusites, amigdalites e pneumonias, comprometendo o crescimento e o desenvolvimento da criança.
O controle do ambiente é extremamente importante, pois nenhum tratamento será totalmente eficaz se os pais não interromperem o contato com os agentes que desencadeiam a reação. O pediatra pode indicar uma série de medidas especiais de combate aos ácaros e aos fungos, higiene de animais domésticos e limpeza da casa para os casos de alergia.

Eritema Infeccioso

Também é de causa viral, acometendo preferencialmente crianças em idades pré-escolar e escolar. A transmissão é por um período curto. Pode dar febre ou não, mas aparece exantema (vermelhidão intensa na pele) em tronco e extremidades, geralmente poupando a face, que pode permanecer por vários dias (até 1 mês). O exantema pode estar acompanhado de coceira. O tratamento consiste em cuidados gerais apenas.

Doenças Infecto contagiosas

As crianças são muito frágeis as doenças infecto contagiosas como a rubéola, catapora, varicela e o sarampo, por exemplo. Isso ocorre porque o sistema de auto defesa do corpo, também chamado de ‘sistema imunológico’ ainda não está totalmente desenvolvido. Por isso, essas doenças são chamadas de ‘doenças infantis’ ou ‘doenças da infância’, que se desenvolvem quando o sistema imunológico, ainda não é capaz de combatê-las.
Por isso é muito importante estar preparado contra essas doenças antes que elas apareçam. Para isso é necessário conhecer a doença e prevenir com a vacina indicada. Tenha sempre atualizado o cartão de vacinação.